Espetáculo “Laboratório Sexual, que comece o jogo” estreia nesta quinta no Teatro Bibi Ferreira em São Paulo

O espetáculo teatral “Laboratório Sexual – que comece o jogo agora” estreia nesta quinta-feira (11), no Teatro Bibi Ferreira, no bairro Belo Vista, em São Paulo. Sua nova temporada irá acontecer nos meses de outubro e novembro, às quintas-feiras, sempre às 21:00 horas.

Uma companhia de teatro, formada por seis controversos atores, resolve montar uma peça baseada em pesquisas sobre sexo, amor e suas diversas facetas. O que eles não imaginavam é que durante esse processo alguns dramas pessoais começassem a surgir.

E aí, qual a importância do sexo e do amor em sua vida? Ou a combinação dos dois? Será que você realmente sabe? “É uma terapia assistida, despretensiosa, divertida, e sem rodeios”, diz o autor e diretor Jean DANDRAH.

O espetáculo mostra o cotidiano de uma companhia teatral profissional, formado por uma dramaturga, uma ninfomaníaca, um bissexual aparentemente resolvido, um homofóbico enrustido, um libertino com síndrome de Peter-Pan, e um diretor tarado. Juntos, eles fazem dos bastidores da montagem de “Laboratório Sexual, que comece o jogo”, uma comédia contemporânea, cheia de conflitos, desatinos, e muito bom humor.

O tema principal a ser explorado nesse estudo cênico, é o ”SEXO”. Mas por onde começar? Qual a finalidade real? Mas é a partir das dúvidas, curiosidades e conflitos dos atores, que inusitadas histórias sobre um dos maiores tabus da humanidade são postas em pauta no palco. A peça propõe uma lente de aumento sobre o assunto. “Descobrimos durante o processo criativo, que o mais interessante é o ponto de vista, honesto, de cada um. A ideia foi traduzir de maneira bastante coloquial e lúcida a nossa maneira de ver o sexo. Suas facetas, suas verdades, suas incertezas, conduzindo o público a uma profunda reflexão. Tudo é delineado de maneira leve, divertida e cheia de surpresas, sem esquecer valores tão importantes como o “amor, parceria e amizade”, acrescenta Jean Dandrah.

SERVIÇO:

“LABORATÓRIO SEXUAL, que comece o jogo” (Comédia Contemporânea)

Texto e Direção Geral: Jean Dandrah

Assistente de direção: Milene Haddad

Coordenação de movimento: Rafael Brandão

Elenco: Adriano Arbol, Delisiée Marinho, Helen de Pádua, Jean Visconti, Marcio Barbosa e Rafael Brandão.

Stand ins: Marcelo Piza, Eduardo Salles e Monyke Procópio

Produção: Anselmo Miller, Delisiée Marinho e Milene Haddad

Coordenação Relações Públicas: Delisiée Marinho

Design de Luz e Som: Alexandre Zulu

Técnico de luz: Venicio Alvarenga Junior

Fotos: Moacir Barbosa

Designer Gráfico: Felipe Sesoko

Arte e edição de vídeos: Milene Haddad

TEATRO: BIBI FERREIRA

Endereço: Av. Brigadeiro Luiz Antônio, 931 – Bela Vista – SP

Temporada: as quintas-feiras de outubro e novembro, às 21h.

Classificação: 16 Anos

Duração: 80 minutos

Ingressos: R$60,00 inteira/R$ 30,00 meia.

Lista amiga: R$20,00

Realização Grupo Palco Meu de Teatro.

Apoio Cultural: Oficina Cultural Oswald de Andrade.

Agradecimento Especial Tchesco.

Mais informações: www.palcomeudeteatro.com.br

Redes Sociais: Facebook: Grupo Palco Meu de Teatro / Instagram: @grupopalcomeu

Ou entre em contato com nossa produção e assessoria:

Anselmo Miller: F. 55 11 99432-1591

Delisiée Marinho: F. 55 1195771-1792 /delimarinho@uol.com.br

Juliano Mendes: F 55 21 96972-5908